terça-feira, 1 de julho de 2014

Sem Vital candidato, PMDB racha e vai bater chapa sobre apoio a RC ou Cássio

O Partido do Movimento Democrático Brasileiro na Paraiba não sustentou a candidatura do senador Vital Filho ao Governo por mais de 24 horas. Nesta segunda-feira, a partir do final da tarde, a comunicação do vice-presidente Michel Temer de que não haveria intervenção do PT nacional para gerar aliança, levou o senador a admitir a desistência da candidatura. Ele e o ex-governador José Maranhao querem levar o partido a apoiar a candidatura de Ricardo Coutinho enquanto um grupo de deputados defende acordo com Cássio.
Rachado, com alguns dos integrantes soltando expressões duras contra outros, o PMDB implode a segunda candidatura ao Governo em menos de uma semana, embora a tese de acordo com Ricardo estivesse em entendimentos há tempo.
No final da noite, os favoráveis ao apoio a Ricardo se reuniram na sede do PMDB, enquanto o grupo dos pró-Cássio se encontraram com o senador na residência da prefeita de Patos, Francisca Mota.
Os deputados pró-Cássio tomaram a decisão de bater chapa para resolver o impasse, apesar das regras darem amplo poder à Executiva Estadual – este dividida também.
Walter Santos WSCOM Online

Reações:

0 comentários: