quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Recurso que pede indeferimento da candidatura de Cássio Cunha Lima deve ser julgado nesta quinta-feira

O relator da ação que pede o indeferimento do registro de candidatura do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) ao governo do Estado, ministro Gilmar Mendes, já liberou o processo para votação. Cássio teve o registro deferido pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, mas o Ministério Publico Estadual recorreu da decisão ao Tribunal Superior Eleitoral.O ministro Gilmar Mendes não revelou o conteúdo do seu voto, apenas liberou o processo para ser votado.
Com isso, o presidente do TSE, ministro Dias Toffolli, já confirmou que o processo deve entrar na pauta da sessão desta quinta-feita, 11.A informação foi repassada pelo advogado do candidato, Harrisson Targino, que se disse confiante no resultado do julgamento.
O parecer da Procuradoria Geral Eleitoral é contra o recurso do Ministério Público Estadual, ou seja, favorável a elegibilidade do senador Cássio Cunha Lima e consequentemente pelo deferimento do seu registro.

Reações:

0 comentários: