sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Menos de 19% das ações do PAC Saúde foram concluídas na Paraíba

Apenas 18,7% das ações previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para a área da saúde no estado da Paraíba foram concluídas desde 2011, ano de lançamento da segunda edição do programa. A afirmação foi feita nesta quinta-feira (9) pelo Conselho Federal de Medicina (CFM). O CFM disse que fez o levantamento com base nos relatórios do programa. O órgão aponta que dos 1.053 projetos selecionados no programa para o Estado, todos sob responsabilidade do Ministério da Saúde ou da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), apenas 197 foram concluídos até abril deste ano – último dado disponível.
Ainda de acordo com os dados do CFM, um terço das ações programadas para o Estado no período de 2011 a 2014 continuam nos estágios classificados como “ação preparatória” (estudo e licenciamento), "em contratação” ou “em licitação”. Enquanto isso, 520 ações constam como em obras ou em execução, quantidade que representa 49% do total.
Em 2011, foram prometidas a construção ou ampliação de 539 UBSs, das quais apenas 74 foram concluídas. Também estavam previstas 17 UPAs, mas, até abril de 2014, nenhuma havia sido concluída.
Em todo o país, apenas 11% das ações previstas no PAC 2 para a área da saúde foram concluídas desde 2011, ano de lançamento da segunda edição programa. Das 24.066 ações sob responsabilidade do Ministério da Saúde ou da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), pouco mais de 2.500 foram finalizadas até dezembro do ano passado.
Jornal da Paraíba

Reações:

0 comentários: