quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Mais de 80 contratados são demitidos no Hospital Regional de Patos

Desde a última quinta-feira, dia 29 de outubro, que pessoas contratadas para prestar serviços no Hospital Regional de Patos estão sendo demitidas. O total já ultrapassa os 80 trabalhadores de diversos setores do hospital e ainda pode acontecer mais.
Existiam servidores que estavam contratados há mais de 20 anos e foram demitidas entrando em desespero, pois os critérios não foram expostos para tal medida em tempos de recessão na economia que agrava ainda mais a situação de quem agora perde o trabalho. “Estou sem chão! Trabalho ali há mais de 19 anos e agora o que vou fazer? Nem sei por que me demitiram. Eu nem fui procurada, apenas recebi o recado que estava fora”, relata a funcionária demitida que pediu para não ser identificada.
Outra funcionária, que também não quis se identificar, relatou que as demissões são políticas e não tem critério de eficiência ou falta dela. “Eu não tenho queixa do serviço que presto. Nem sei que critério foi usado para me demitir. Eu queria ao menos saber. Tem gente que permaneceu e tem problemas no serviço”, relata.
As demissões aconteceram nos setores de lavanderia, limpeza, cozinha, recepção, técnicos de enfermagem, dentre outros. Na lavanderia do hospital foram demitidas 10 pessoas e apenas 2 estão no serviço que deverá ter problemas pelo número insuficiente. As demissões ocorreram com contratados recentes e também com aqueles mais antigos.
Em contato com o diretor da 6ª Gerência Regional de Saúde (6ª GRS), José Leudo, a reportagem foi informada que estão acontecendo cortes por contenção de gastos, mas se limitou apenas a essa informação dizendo que não tem autorização para entrevistas.
Jozivan Antero – Patosonline.com

Reações:

0 comentários: