sexta-feira, 29 de abril de 2016

Governo promove capacitação sobre uso racional da água do São Francisco

Técnicos das 15 regiões administrativas da Emater (GU) na Paraíba participam de capacitações para elaboração de projetos de irrigação eficiente para atuarem em áreas beneficiárias das águas provenientes da transposição do Rio São Francisco. Convênio neste sentido, no valor de R$ 154.000,00 foi assinado entre o Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) e o Governo da Paraíba, por meio da Gestão Unificada (Emepa/Interpa/Emater (GU), vinculada à Sedap. Inicialmente, serão realizados dois cursos básicos em irrigação localizada e manejo de solo e água para 50 técnicos, além da instalação de 10 Unidades Técnicas Demonstrativas (Utds) em irrigação para treinamentos de agricultores familiares. A finalidade é ampliar as áreas irrigadas e, consequentemente, aumentar a produção de alimentos.
De acordo com o diretor técnico da Emater (GU) Vlaminck Paiva Saraiva, a empresa está se antecipando à preparação de seu quadro técnico, visando a chegada das águas do Rio São Francisco, prevista para o início de 2017.
Visita – A convite do diretor presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa) João Fernandes da Silva, os técnicos José Marinho de Lima, Vlaminck Saraiva, Ely Martins e Alexandre Alfredo, da Emater (GU), participam de uma visita técnica às obras da transposição do Rio São Francisco, nesta quinta-feira (28) e sexta-feira (29). Fazem parte da comitiva, 15 técnicos integrantes do Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CERH).
O objetivo da visita é conhecer o andamento das obras de integração de bacias do Rio São Francisco com as bacias do Nordeste Setentrional, compreendendo os estados de Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. O roteiro inicia por São José de Piranhas, com visitas aos túneis do Eixo Norte, seguindo para Salgueiro e Cabrobó (PE), para conhecer as instalações elevatórias. No dia seguinte (29), a visita começa elo Eixo Leste, em Floresta e Ibimirim (PE), encerrando-se em Monteiro (PB).

Reações:

0 comentários: