sexta-feira, 8 de abril de 2016

Servidores dos Correios ameaçam entrar em greve por conta da violência, na PB

Os servidores dos Correios poderão entrar em greve para protestar contra a violência. A categoria decide se vai parar ou não na próxima quinta-feira (14) por meio de assembleia. Casos recentes de ataques com explosões e o sequestro de um gerente de uma das agências no estado estão entre as motivações para a greve da categoria.
Segundo Wusman Tavares, secretário geral do Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos da Paraíba, caso não haja um acordo a categoria vai parar as atividades. Entre outras coisas, os funcionários reivindicam porta giratória e com sensor e segurança armada nas agências.
De acordo com a assessoria dos Correios, nos últimos três anos foram investidos cerca de R$ 26.440.000 milhões em segurança. “Os Correios estão constantemente investindo em pessoal e equipamentos para aumentar a segurança de suas unidades, mas a violência está muito grande e às vezes não temos como controlar. Em relação à greve, a diretoria da empresa vai participar da reunião e buscar soluções para suas demandas sem que aconteça interrupção dos serviços ’’, informa a nota.

Reações:

0 comentários: