terça-feira, 26 de julho de 2016

PB fica em 3º lugar na liberação de recursos da Secretaria de Infraestrutura Hídrica do governo Temer, aponta Estadão

Levantamento realizado pelo jornal ‘O Estado de S.Paulo’ apontou que a Paraíba figura na terceira colocação no repasse de verbas da Secretaria de Infraestrutura Hídrica, do governo Michel Temer (PMDB). De acordo com os dados, o estado recebeu R$ 15,5 milhões, o que representa 15,7% dos recursos da pasta. Do total de R$ 98,2 milhões liberados, Alagoas ficou na primeira posição com 33,4% (R$ 32,8 milhões), e o Ceará na segunda, com 30,5% (R$ 30 milhões). A bancada federal da Paraíba aliada ao presidente Michel Temer tem atuado junto aos Ministérios das Cidades e da Integração Nacional para conseguir a liberação de recursos com o objetivo de enfrentar a crise hídrica que o estado enfrenta.
O presidente em exercício Michel Temer abasteceu o caixa das prefeituras com cerca de R$ 2 bilhões em convênios liberados em pouco menos de dois meses. Levantamento do Estadão, com base em dados da Controladoria-Geral da União, mostra que os valores foram transferidos a 2.448 municípios e se destinaram a 5.213 obras.
O valor das liberações é equivalente a dois terços do que a presidente afastada Dilma Rousseff transferiu para administrações municipais entre janeiro e o início de maio: R$ 2,9 bilhões. Nos 133 dias em que foi a titular do cargo neste ano, a petista repassou R$ 21,8 mil, em média, diariamente, a 2.413 municípios. Temer, em 51 dias, transferiu, em média, R$ 38,1 mil por dia. Os dados se referem a até 2 de julho, quando a legislação eleitoral impõe restrições aos repasses.
O levantamento dos repasses a municípios mostra que em alguns ministérios o colégio eleitoral do titular da pasta não é determinante para as liberações, mas, sim, a influência política de lideranças regionais.

Reações:

0 comentários: