segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Yane Marques é escolhida como porta-bandeira do Time Brasil

Após uma votação aberta ao público, composta por três nomes indicados pelo Comitê Olímpico Brasileiro para o possível porta-bandeira do Time Brasil, Yane Marques, pernambucana e que tem raízes familiares de Princesa Isabel, foi escolhida e será responsável por carregar a flâmula verde-amarela na abertura dos Jogos Olímpicos. A cerimônia será realizada no dia 5 de agosto, no estádio do Maracanã. A atleta do pentatlo moderno deixou para trás o velejador Robert Scheidt, maior medalhista olímpico brasileiro e o líbero que conquistou o ouro em 2004, além de duas pratas, em 2008 e 2012, Serginho. Aos 32 anos, a pernambucana, dona de uma medalha de bronze em Londres, estará a frente do país-sede na entrada ao palco das finais das Copas do Mundo de 1950 e 2014.Ela é a segunda mulher a carregar a Auriverde na Parada das Nações: Sandra Pires foi a primeira a fazê-lo, em Sidney 2000.

Reações:

0 comentários: