sábado, 1 de outubro de 2016

Compra de votos: Polícia Federal cumpre mandado de busca e apreensão na casa de vereador em Princesa Isabel

A Polícia Federal após determinação da justiça cumpriu mando de busca e apreensão na tarde deste sábado (01) na casa do atual vereador Givaldo.A ação seria para averiguar denuncias de compra de voto na cidade.
Conforme apurado em depoimento da Senhora Maria Assunção, denunciante, o fato se deu quando o Vereador Givaldo, esposo da então candidata a vereadora Naldinha, entrou em sua residencia, solicitou seus documentos pessoais e de seu esposo, pedindo inclusive a carteira de trabalho.
A denunciante ainda pensou que se tratava de uma promessa de emprego, tendo em vista que o candidato Ricardo Pereira, já havia prometido trabalho ao casal. Maria, por esta razão, entregou os documentos à Givaldo, que em seguida lhe entregou R$ 400,00, já avisando a Dona de Casa que só devolveria seus documentos às 17h do domingo (amanhã). Dona Maria, intimidada, entendendo que se tratava de compra de votos,denunciou o caso a Polícia que cuidou de certificar o ocorrido. O mandado de busca e apreensão foi protocolado. A Polícia Federal esteve na residência do vereador, mais estava fechada. O vereador Givaldo portanto vai responder processo por supostamente estar retendo documentos. Ele ainda vai prestar esclarecimentos sobre o fato.
Confira o depoimento completo.

Reações:

0 comentários: