terça-feira, 10 de janeiro de 2017

CIRURGIA DE EPILEPSIA PELO SUS. Por João Hercules

Recebemos em nosso email essa explicação sobre cirurgias de Epilepsia no SUS do amigo João Hercules e vamos repercutir para que estas importantes informações cheguem a outras pessoas que precisam.
"Sou o Senhor João Hercules Bezerra Gomes, um ex-epiléptico, Brasileiro, casado, Presidente da Associação dos Portadores de Epilepsia do Estado da Paraíba – ASPEPB, residente e domiciliado na cidade de Emas-PB. Sofri de epilepsia durante 30 anos, entre os anos de 1975 e 2005, quando me submeti a uma cirurgia de epilepsia no Estado do Goiás no ano de 2005, e até hoje estou curado sem crises e sem medicamentos, antes eu chega a ingerir 17 comprimidos por dia para evitar ter os ataques, e mesmo assim chegava a ter 06 a 10 ataques epilépticos mês."
CONTROLE DAS EPILEPSIAS:
70 a 80% das crises epilépticas, são controladas com as Drogas antiepilépticas tipo: Tegretol, Depakene, Trileptal, Galdenal e Outros. 20 a 30% são consideradas epilepsias de difícil controle, nesses casos os pacientes são indicados para fazer a cirurgia de epilepsia ou neuromodulação, e 90% dos casos todos tem sucesso 100%.
Cidades a onde realiza a Cirurgia de Epilepsia.
Juazeiro do Norte-CE - São Paulo – SP - Goiânia – GO
Brasília – DF - Porto Alegre – RS – João Pessoa – PB.
Informações: (83)99929.6559 (88) 99644.6688 – João Hercules
Email: epilepsianasociedade@bol.com.br Site: www.epilepsianasociedade.com.br EPILEPSIA NÃO É CONTAGIOSA, CONTAGIOSO É O PRECONCEITO.

Reações:

0 comentários: