quinta-feira, 27 de julho de 2017

Sargento Nascimento deixará o comando do Destacamento de Polícia Militar de Tavares

O Sargento, Gilmá Nascimento, deixará o comando do Destacamento de Polícia Militar da cidade de Tavares, no Sertão da Paraíba. Segundo informações, ele assumirá o comandado de outro município, com nome ainda não revelado pela 5ª CIPM, que fará um remanejamento geral.
Outro sargento, que deve ter o nome divulgado nos próximos dias, vai ocupar lugar de Gilmá, que ficou por mais de dois anos à frente do Destacamento de Policia Militar, em Tavares, onde foram realizadas importantes ações, como combate a arrombamentos contra residências e comércios, prisões e recuperação de objetos roubados e furtados.
Em contato com o Blog do Aryel Aquino, Nascimento, disse que sai de cabeça erguida, com a certeza de que realizou um bom trabalho. “Acertei e errei. Atuei conforme aquilo que me pareceu mais justo e legal. Ostensividade cumprida como manda o figurino. Rondas, diligências, perseguições, prisões e diversas apreensões. Por inúmeras vezes me senti realizado nesse lugar por proporcionar, através do poder de polícia a nós concedido pelo estado, um mundo mais justo para aqueles que foram vítimas da criminalidade.
Recuperar toda mercadoria furtada de uma simples comerciante e dela receber um MUITO OBRIGADO é alimento nutritivo para a alma policial. Eu senti isso. Tirar de circulação diversos infratores e encaminhá-los aos remédios do Poder Judiciário nos faz bem. Vivi isso.
Evitar que o preto, pobre e excluído tenha arbitrariamente seus direitos ultrajados nos dá a sensação de que, apesar da falta de reconhecimento de diversos seguimentos, devemos sim fazer a nossa parte. Agir com total isenção no policiamento de uma campanha e pleito agitados ou mesmo falar a linguagem de um doente mental, fazendo com que ele baixe a faca, torne-se seu amigo e lhe acompanhe até o hospital sem ser preciso nem nele tocar. São apenas algumas das experiências de Tavares que muito me acrescentam e que sem sombra de dúvidas contribuíram para a ordem social do município tavarense”
, ressaltou o sargento, Nascimento.
BlogdoAryelAquino

Reações:

0 comentários: