terça-feira, 5 de setembro de 2017

Trio é preso em Patos tentando realizar saque indevido na agência do Banco do Brasil

Três pessoas foram presas na tarde desta segunda-feira, 04, em Patos, acusadas de tentar sacar dinheiro indevidamente na agência do banco do Brasil.
Mainá da Costa Cunha, vulgo Mainá, 31 anos, Adriana Sousa dos Santos, vulgo Diana, 27 anos, e Benedito da Silva Costa, vulgo Rolinha, 29 anos, resolveram fazer saques na agência e tentar realizar um empréstimo. A delegada Daniela Quirino, que está à frente da investigação, explicou que a carteira e cartões da vítima que tinha sido perdida em um posto de Patos, foi encontrada pelo frentista do posto, e o acusado Benedito da Silva Costa, vendo toda a movimentação, se apresentou como proprietário da carteira.
A Vítima Francisco Tarcísio dias Chaves, 62 anos, aposentado do IPC- RN, tinha perdido todos os seus documentos e cartões em um posto de Patos. “De posse dos documentos e do cartão com a senha, ele foi até o Banco do Brasil e efetuou um saque de um mil e cem reais. Neste mesmo momento, a vítima compareceu a delegacia, fez o registro da ocorrência e mandamos nossos agentes de investigação ir até o banco pra fazer o bloqueio da conta e também vê as imagens do caixa eletrônico a fim de identificar quem era esse acusado”, explicou a Delegada.
Posterior ao primeiro saque, o acusado volta a agência com a esposa, Adriana Sousa, e um terceiro homem com intuito de realizar um empréstimo no valor de R$ 23 mil, e uma transferência para a conta, mas, não obtiveram êxito devido o bloqueio.
Os envolvidos foram levados para a delegacia de Polícia Civil onde confessaram o crime e que tinham tentado fazer compras no comércio local. Eles também disseram que viram a oportunidade de sacar o dinheiro. Daniela Quirino informou que o dinheiro sacado foi recuperado e entregue à vítima. Os três acusados serão autuados por estelionato e encaminhados aos respectivos presídios de Patos onde ficarão à disposição da justiça.
Fonte por Acilene Candeia - Patos Verdade

Reações:

0 comentários: