sexta-feira, 27 de setembro de 2019

1º longa de animação feito na PB, a 'Princesa de Elymia' estreia dia 10 de outubro



O longa-metragem de animação “A Princesa de Elymia”, primeiro filme do gênero feito na Paraíba, vai estrear nos cinemas nacionais no dia 10 de outubro, após mais de cinco anos de produção. Dirigido e roteirizado pelo cineasta Silvio Toledo, o filme é todo feito em computação gráfica e foi produzido em Campina Grande.

“Foi muito difícil [fazer], por isso dá orgulho de ter concluído. Além da dificuldade de fazer um filme que normalmente só se faz, deste jeito, nos Estados Unidos, na Europa, e a gente conseguiu fazer aqui em Campina Grande, com os desafios próprios da região”, comenta o diretor, que já produziu outros quatro filmes independentes.

A produção de “A Princesa de Elymia” começou em 2013 e envolveu cerca de 40 pessoas no projeto, incluindo profissionais da Espanha, de São Paulo e de Fortaleza. O financiamento foi feito por meio da Agência Nacional do Cinema (Ancine) e por patrocínios.

Para produzir os 104 minutos do filme, foi preciso processar mais de um milhão de imagens por meio de computação gráfica. O processamento foi feito também em Campina Grande, em um espaço com mais de 70 computadores dedicados apenas a este trabalho.

Por Sabrina Barbosa com G1

Reações:

0 comentários: