quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Paraibana medalhista em saltos ornamentais se prepara para seletiva da Olimpíada


As últimas semanas foram intensas para Luana Lira, atleta da seleção brasileira de saltos ornamentais. Entre os dias 13 e 19 de julho, ela disputou o Mundial de esportes aquáticos, em Gwangju, na Coreia do Sul. E no mês passado, representou o país nos Jogos Pan-Americanos, em Lima, no Peru. Nas duas competições, Luana disputou as provas de trampolim de 1m, 3m e 3m sincronizado feminino. E chegou a duas finais, ambas no Pan: trampolim de 1m e 3m.

"O Mundial foi minha terceira vez competindo: 2015, 17 e 19. E nos Jogos Pan-Americanos foi a primeira vez. Fazendo uma análise dos dois, no Mundial eu fiz uma pontuação bem mais baixa no trampolim de 3m do que no Pan. Na Coreia, foram 220 pontos, e em Lima, 296, o que me mostrou uma evolução muito boa. Então, fiquei bastante feliz e satisfeita com o resultado. O que eu não consegui fazer no Mundial, consegui no Pan", disse.

"O objetivo é crescer aos poucos, a cada dia, até que chegue ao pódio. O próximo passo é seguir trabalhando forte para chegar bem à seletiva da Copa do Mundo, que é a seletiva para a Olimpíada", concluiu. 

Luana é natural de João Pessoa (PB), mas reside em Brasília desde o final de 2014. A jovem de 23 anos treina no Centro de Referência da Universidade de Brasília. 

Antes do Mundial e do Pan, Luana havia sido um dos destaque do Troféu Brasil, em março deste ano, representando seu clube: o Instituto Pró-Brasil. Ela conquistou uma medalha de ouro no trampolim de 1m, uma de ouro no de 3m sincronizado feminino e uma de bronze no de 3m.

Assessoria

Reações:

0 comentários: