terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

Adolescentes são encontrados mortos em Princesa Isabel e polícia aponta que traficantes seriam mandantes do crime

O delegado Gutemberg Cabral disse, nesta terça-feira (4), que a morte de dois adolescentes em Princesa Isabel, na Paraíba, pode estar relacionada com a insatisfação de traficantes da região. Segundo relato do titular da delegacia local, líderes do tráfico no município teriam ficado incomodados com a presença policial que se tornou ostensiva após as práticas infracionais dos dois adolescentes de 13 anos.
Os meninos estavam desaparecidos desde sexta-feira (31) e foram encontrados mortos nessa segunda-feira (3). O delegado Gutemberg Cabral informou que um deles já tinha ficha policial. "Eu pedi, no ano passado, a internação dele no Centro de Recuperação de Sousa. O juiz concedeu essa internação. Mas a mãe foi à Justiça e convenceu o juiz a cancelar a internação. Ele continuava com prática de furtos, invasão a domicílios, a mercadinhos. Até organizava grupos de menores a praticar ilicitudes."
Foi então que os menores chamaram a atenção da polícia para a região. "Eles roubaram objetos de uma pessoa e chamaram a atenção da polícia no Jardim Carlota, onde eles residiam. Um grupo de traficantes não gostou da chamada de atenção à polícia, porque ali funcionava uma boca de fumo, e eles resolveram executá-los."
O delegado falou da investigação sobre os autores dos assassinatos dos adolescentes. "Nós estamos investigando todos os envolvidos e estamos empenhados em prendê-los e entregá-los à Justiça." As declarações foram dadas em entrevista ao Portal Santa Teresinha.

Reações:

0 comentários: