terça-feira, 6 de agosto de 2019

PRF registra pontos de interdição na BR-230 com protestos de motoristas de transportes alternativos

ASCOM/PRF

Desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira (06), alguns trechos da BR-230 estão interditados devido ao protesto dos motoristas de transportes alternativos. A manifestação atinge toda a Paraíba e em média 15 mil motoristas de vans estarão aderindo ao movimento.  Segundo a Cootranspat-PB e Sindicatpa-PB, cooperativa e sindicato dos motoristas, a manifestação é baseada na nova lei  federal 13.855 sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), que endurece punições para transportes piratas. Segundo a lei, o transporte pirata, seja de ônibus ou van escolar sem autorização ou transporte remunerado de pessoas ou bens, passa a ser classificado de infração gravíssima, com multa (multiplicada por cinco, no caso do escolar) e perda de sete pontos na carteira de habilitação, além da remoção do veículo como medida administrativa. 
ASCOM/PRF
Em toda a Paraíba estão sendo aguardados protestos, mas a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registra no momento quatro pontos críticos, que são no km 331 (Patos), km 344, km 399 (divisa Pombal/São Bentinho) e o km 422 (Catolé do Rocha). O trecho que liga João Pessoa e Bayeux tem concentração de motoristas e também será bloqueado.
Os motoristas de vans escolares buscam diálogo com o Governador da Paraíba, João Azevêdo para a regularização da atividade no estado e a categoria pretende se dirigir à Assembleia Legislativa, na Praça dos Três Poderes, onde permanecerão realizando a manifestação.

Por Sabrina Barbosa

Reações:

0 comentários: