quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Procon-JP faz alerta para golpes em emissão de carteiras de estudantes na capital

Secom/JP
O Procon-JP resolveu alertar alunos das escolas públicas e privadas da Capital sobre a emissão da carteira de estudante após denúncias de que entidades não habilitadas para o serviço estariam emitindo o documento aos estudantes.

A orientação é para que os estudantes não solicitem ao documento em locais não autorizados pelo Procon.

Esse ano nove entidades estudantis foram habilitadas entre elas: Ulesp, UEEP, UEP e UPES/PB.  As universitárias são: CUC, UEE, DCE Nassau, DCE IFPB  e DCE Unipê.
Todas elas podem emitir o documento, que servirá tanto para a compra da meia-passagem quanto para a meia-entrada em eventos artísticos e desportivos. Os alunos também têm a opção de comprar a meia-passagem com declaração da instituição de ensino.

De acordo com Helton Renê, diretor do órgão, a prerrogativa para a habilitação das entidades que emitem o documento estudantil é do Procon-JP. Os estudantes que fizeram a carteira com uma entidade não habilitada podem requerer o ressarcimento do pagamento pela emissão do documento. O Procon vem atuando na fiscalização destes estabelecimentos.

Por Sabrina Barbosa com Assessoria

Reações:

0 comentários: