segunda-feira, 6 de abril de 2020

Estilo de Vida: equilíbrio em tempos de isolamento


Brasileiros se reúnem virtualmente para falar sobre equilíbrio em tempos de isolamento

Entre os assuntos, meditações para alcançar um estado mental mais calmo, com maior capacidade de resolução de problemas, além de uma consciência ampliada para a coletividade

Entre as pesquisas sobre o impacto da meditação para o cérebro humano, se destaca a da Universidade de Toronto. O estudo demonstrou que, após dois meses de prática diária com duração de 45 minutos, o indivíduo apresenta diminuição da atividade da chamada “Default Mode Network” (ou sistema default), que é ativada em processos de pensamentos centrados em si mesmo e presos no passado e no futuro. Segundo a pesquisa, se o sistema default está no controle da mente, a performance de nosso cérebro é reduzida, o que significa uma velocidade e capacidade menor para agir, um estado de divagação, e predominância de pensamentos de angústia, estresse e preocupação.

“A meditação trabalha outras estruturas neurais, que ajudarão em pensamentos mais funcionais e presentes. É como se ativasse o modo tarefa de resolução de problemas e rapidez de resposta aos fatos. É preciso alterar esse condicionamento cerebral para agir na realidade ao invés de brigar com a realidade, com reclamação ou desesperoEm equilíbrio, podemos operar de forma mais inteligente e planejada, com muito mais tranquilidade e clareza”, explica o facilitador é Fernando Gabas, criador do protocolo de meditação e expansão da consciência chamado Life Matters.

Para o especialista, com as práticas meditativas, a vivência muda e é possível uma ampliação da consciência. “Quem passa por esse processo tende a deixar de ser obcecado pelo EU, EU, EU e passa a se sentir conectado com o todo.

“Com essa pandemia, quer prova mais cabal de que somos interconectados? Que não existe separação. Estamos isolados fisicamente, mas os problemas da humanidade advêm dessa consciência já isolada do indivíduo. Considerar a existência do outro é um bem para você e para toda a humanidade. Temos total capacidade para entrar em contato com isso”, completa.

Método Refresh - abaixo, o especialista orienta a prática meditativa Refresh, que ativa o sistema nervoso parassimpático, provoca o equilíbrio do corpo e da mente, e libera suas potencialidades.


Duração: a Refresh tem um diferencial muito positivo. Por ser uma prática rápida, ela pode ser feita em qualquer horário e quantas vezes se sentir estressado(a), sufocado(a), nervoso(a), triste ou com qualquer outro estado mental desagradável.

Como fazer: escolha um local da casa tranquilo, no qual não será interrompido(a). O exercício pode ser realizado com ou sem música.

Passo a passo:
  • Coloque as mãos na altura do seu coração e respire lenta e profundamente três vezes.
  • Enquanto respira, sinta a força do seu coração que bate incessantemente antes mesmo de você nascer, sem pedir nada em troca. Seja agradecido por ele.
  • Observe a sensação desagradável que está sentindo. Ao observar você já cria uma distância dela. Reconheça que ela não te traz nenhum benefício.
  • Constate que transformar seu estado está em suas mãos. Traga agora a sua memória, experiências profundamente positivas em sua vida. O momento em que você se sentiu cuidado, com amor... Vivencie esse momento.
  • Pense também em um momento divertido que você sorriu muito. Coloque um sorriso em seu rosto e experiencie novamente essa sensação agradável.
  • Recorde também de um momento em sua vida em que você se sentiu extremamente agradecido. Às vezes, até uma coincidência não esperada. Sinta a gratidão novamente.
  • Lembre ainda de um momento de conexão verdadeira, um abraço gostoso... Curta esse estado.
  • E agora, sentindo o estado totalmente transformado, respire mais uma vez lenta e profundamente.
  • Aja sempre desse estado. Sua inteligência e sensibilidade aumentam e você saberá o que fazer independente do desafio.
  • Quando estiver pronto, pode abrir os olhos.

Vídeo de meditação


Reações:

0 comentários: